PDF- Enxertos ósseos autógenos intrabucais -Reconstrução de fendas alveolares com enxerto de - spemd - O.48 - Enxertos intrabucais para reconstrução de áreas edêntulas ...

implicando em menor absorção do enxerto.

O presente trabalho tem como objetivo ...

Description

Roberto Henrique Barbeiro

- UNESP

Pereira Filho VA,

Martins L,

Conte-Neto N,

Carvalho WRS Os enxertos ósseos representam importante papel em diversas situações na CTBMF,

principalmente nas reconstruções dos rebordos alveolares atróficos previamente à instalação de implantes dentários osseointegrados.

O osso autógeno apresenta melhores resultados quando comparado a outros materiais,

devido às suas propriedades osteocondutoras,

osteoindutoras e osteogênicas.

Os sítios doadores para a remoção do enxerto podem ser extrabucais ou intrabucais,

esses últimos se reservam a pequenas e médias reconstruções alveolares relacionadas a perdas dentárias unitárias ou desdentadas parciais.

A escolha deste sítio deve ser baseada em vários fatores,

a quantidade óssea necessária,

As vantagens da utilizaçao dos sítios doadores de enxerto intrabucais incluem a possibilidade de serem realizados em nível ambulatorial,

ausência de cicatrizes cutâneas,

além de origem embriológica do doador ser a mesma do sítio receptor,

implicando em menor absorção do enxerto.

O presente trabalho tem como objetivo destacar,

por meio de uma revisão de literatura,

os principais sítios doadores intrabucais utilizados para a reconstrução dos rebordos alveolares,

dando ênfase em suas indicações e respectiva apresentação de casos clínicos do tema em questão. 

Revista de Odontologia da UNESP.

OAB GUARAPUAVA RUA CORONEL SALDANHA, 1903 CEP: Guarapuava/PR Telefone: (42)

Ata Conjunta das 5ª, 6ª; 7ª; 8ª; 9ª e 10ª Reuniões

oabguarapuava br wp content uploads 2015 02 MARÇO OAB GUARAPUAVA RUA CORONEL SALDANHA, 1903 CEP 85010 130 Guarapuava PR Telefone (42) 3623 3451 24 03 2016 Transferência do caixa da subseção p a conta do banco oabguarapuava br wp content uploads

OABRJ. Comissão de Mediação de Conflitos. Presidente. Samantha Pelajo. Vice-presidente. Fernanda Pantoja. Coordenadores:

Fernanda Rocha Lourenço Levy, brasileira, casada, advogada

administrativo oabrj br arquivos files Comissao Comissão de Mediação de Conflitos Presidente Samantha Pelajo Vice presidente Fernanda Pantoja Coordenadores I GT Fernanda Pantoja e Diogo Almeida II GT Gabriela Asmar, Luisa Santo e Marcia Rosa III GT – Celia Passos e Cristiana

Oakland County 2014 DISCOUNT PRICING LIST 45%

Oakland County Arts Authority Report – CY2014

PDF contract Oakland County, Michigan oakgov 003557 20OfficeMax 20North 20America pdf PDF S U M M A R Y Oakland County, Michigan oakgov advantageoakland tp EconomicOutlook2017Summary

Oakland University. Board of Trustees Meeting

Meeting of Minds XVI Journal of Undergraduate Research Volume

The purpose of the Oakland University Board of Trustees' Academic Affairs The Committee may also request to meet jointly with other Board committees as Committee is to assist the Board of Trustees (Board) with its oversight of the conference rules and regulations, as well as

OASIS ISSN: Universidad Externado de Colombia Colombia

FACULTAD DE COMUNICACIÓN SOCIAL- PERIODISMO

dialnet unirioja es descarga articulo 3744812 pdf · n 24 · 2010 · issn 0120 3045 · páginas 297 312 Universidad Nacional de Colombia · Bogotá 297 * una revisión crítica de las evidencias sobre metalurgia temprana en suramérica A Critical Revision of the Evidence Regarding

OASIS ISSN: Universidad Externado de Colombia Colombia

FACULTAD DE COMUNICACIÓN SOCIAL- PERIODISMO

dialnet unirioja es descarga articulo 3744812 pdf · n 24 · 2010 · issn 0120 3045 · páginas 297 312 Universidad Nacional de Colombia · Bogotá 297 * una revisión crítica de las evidencias sobre metalurgia temprana en suramérica A Critical Revision of the Evidence Regarding

OASIS ISSN: Universidad Externado de Colombia Colombia

eric tremolada alvarez - Red Internacional de Juristas para la

“La integración del derecho andino en el ordenamiento jurídico colombiano” Universidad Externado de Colombia (ISBN 978 958 772 361 8) OASIS 2007 2008, Nº 13, Centro de Investigaciones y Proyectos Especiales –CIPE 20 Jun 2014 Universidad Externado de

Oasis & Oasis LL COAL EFFECT GAS FIRE

Epoxy Coa tings Guide - Sherwin-Williams Coatings

skulsourrome files wordpress 2015 08 kinder The open fronted Kinder Oasis Low Lintel Gas Fire is operated via Manual control and is suitable for use with Natural Gas only Oasis HE COAL EFFECT HIGH EFFICIENCY GAS FIRE Installation, Maintenance & User Instructions Hand these instructions

OASIS RESIDENCE YÖNETİM PLANI

Değerleme Konusu Gayrimenkullerin - nurolgyocom

nurolgyo upi r nurol gayrimenkul yatirim Şirketimizin Yönetim Kurulu Üyeleri üç yıl süreyle görev yapmak üzere Ortaklar Genel Kurul , “OASİS Designer Outlet”e ev Nurol Residence nihai

Home back Next

Enxertos ósseos autógenos intrabucais em implantodontia: estudo

6 maio 2014 reconstrução de maxila e mandíbula são baseadas de acordo com o Apresentando se em 16,6 dos 48 enxertos reali zados (Tabelas 1, 2 

http://www.revistacirurgiabmf.com/2014/4/Artigo01-EnxertosOsseos.pdf

Técnicas cirúrgicas para a enxertia óssea dos maxilares - SciELO

Com isso, os enxertos ósseos provenientes de áreas doadoras intrabucais ou extrabucais, enxerto e reconstrução óssea, podendo ser usados tanto o

http://www.scielo.br/pdf/rcbc/v41n1/pt_0100-6991-rcbc-41-01-00061.pdf

Metodologia da remoção de enxertos em bloco - Clivo Odontologia

para os enxertos de origem intrabucal, pois esses possuem vantagens como 48 FIGURA 16 Tecido conjuntivo entre o bloco ósseo e o rebordo alveolar enxerto ósseo, de reconstrução parcial ou total da maxila e mandíbula e das áreas

http://www.clivo.com.br/wpp/wp-content/uploads/metodologia-da-remocao-de-enxertos-em-bloco-do-ramo-mandibular.pdf

Enxertos ósseos autógenos mandibulares para reconstrução de

intrabucais para reconstruções da maxila atrófica Enxertos ósseos locais da maxila e mandíbula já foram descritos por vários autores 9 reconstrução óssea , porém, o enxerto ósseo autógeno continua 1980;14(1) 23 48 5 Buser D 

https://www.sinimplante.com.br/download/artigo-cientifico/30.pdf

Avaliação comparativa entre enxertos alógenos e autógenos “onlay

A reconstrução dos maxilares em implantodontia através de métodos de enxertia óssea Figura 48 Fotomicrografia de um sítio com enxerto autógeno

http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58136/tde-03022011-171303/publico/ME_ANA_HAWTHORNE.pdf

<